Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



ups!

por Maria Bem-me-Quer, em 21.01.16

 

Portugal é um país cheio de oportunidades! Gostas de possibilitar a não licenciados o estatuto de professor universitário. E viva à Suíça!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:42

A carta que ela lhe escreveu

por Maria Bem-me-Quer, em 17.01.16

Sabes, a tua falta está-me a sufocar. A falta do teu calor deixa-me gélida. E o teu cheiro ainda o imagino em mim. Mas apesar de tudo, quero-te aqui! Quero que me dês a oportunidade de te fazer feliz. Deixa-me tentar pelo menos!

Sabes, eu também tenho medo. Tenho medo de não conseguir ser feliz. Medo de não te conseguir fazer feliz. Mas podemos por de lado os medos e tentar! A pior das sensações é saber que podíamos e não tentamos, arrepender-nos do que não fizemos!

Talvez, muito provavelmente, vou esperar utopicamente por uma chamada tua esta noite. Vou esperar acordada para ouvir o telemóvel tocar e do outro lado uma voz familiar me mandar abrir a porta, para puder subir.

Admito que não estou loucamente apaixonada, e sei que tu também não o estás! Mas sei que gosto o suficiente para tentar! Queres tentar comigo?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:32

...E pela primeira vez beijámo-nos...

por Maria Bem-me-Quer, em 15.01.16

 

Com segundas intenções ou apenas como um ato de cavalheirismo acompanhaste-me até casa! Podia-se ter dado naquele minúsculo elevador, mas não! Preferimos a gélidas escadas junto à porta...

A conversa ainda não tinha acabado, mas eu já estava entregue: sã e salva. E, daí surgiu outro convite, e assim continuamos a conversa sentados nos degraus. Entre bocejos e risos, os nossos rostos tocavam-se timidamente!

Ouvimos o elevador, e um silêncio sarcástico inundou o ar! Qual era a probabilidade de parar no 4º andar? E não é que parou mesmo! Mal a porta bateu, soltamos ambos uma gargalhada E por sua vez, a luz da entrada apagou-se, e de forma sonolenta encostei-me no teu ombro! E foi assim, que as nossas respirações quase se sincronizaram, podia sentir a tua pulsação despromovida de ritmo. E de forma lenta e harmoniosa as nossas almas se fundiram, e os lábios se tocaram. E, assim, pela primeira vez beijámo-nos...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:42


''Tente mover o mundo - o primeiro passo será mover se a si mesmo'' Platão

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31


Arquivos

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D